Lua é 100 milhões de anos mais nova do que se pensava, aponta estudo



 

Notícia extraída do sítio UOL

A Lua surgiu após uma colisão catastrófica entre a Terra e outro corpo celeste (ilustração acima), que fez com que os átomos de zinco mais pesados se condensassem em uma nuvem de vapor. O grande choque gerou tanta energia que derreteu o objeto causador do impacto Nasa/JPL-Caltech

A Lua tem 100 milhões de anos a menos que se pensava, aponta estudo do Instituto de Ciência Carnegie, nos Estados Unidos, divulgado nesta segunda-feira (23). A descoberta pode, segundo os cientistas, mudar a forma como se entende os primeiros anos de existência da Terra e de seu satélite natural.

A principal teoria creditada à origem da Lua afirma que ela surgiu após o choque de um grande planeta, do tamanho de Marte ou maior, contra a Terra. Essa colisão teria ocorrido há 4,56 bilhões de anos, logo após a formação do Sistema Solar.

 

Charles M. Duke Jr./Nasa/AFP

Contudo, análises recentes de rochas lunares levaram cientistas a estimar uma nova data para esse choque, que teria acontecido antes do estimado, por volta de 4,4 bilhões e 4,5 bilhões de anos atrás.

“Novas questões surgem a partir dessa formação mais tardia da Lua”, diz o cientista Richard Carlson. “Por exemplo, se a Terra já era um planeta estabelecido antes do grande impacto, não teria esse choque posto fim à atmosfera vigente até então?”, questiona.

Segundo Carlson, estimar a idade de grandes corpos do Sistema Solar, como a Terra e a Lua, não é tão simples quanto de corpos menores, como os asteroides.

“Quando se trata de Terra e Lua não existem respostas precisas. A Terra provavelmente demorou bem mais para se desenvolver e chegar ao tamanho atual do que um pequeno asteroide, por exemplo, e todo passo dado em direção a esse crescimento tende ter apagado – ou, ao menos, embaralhado – as evidências de eventos anteriores.”

Mas há quem sustente a versão de que a Lua é ainda mais nova. Acredita-se que logo após sua formação, a Lua teria abrigado um grande “oceano de magma”, e rochas desse oceano tiveram a idade estimada de 4,36 bilhões de anos. Já na Terra, as evidências encontradas do choque que originou a Lua datam de 4,45 bilhões de anos.

Para as duas hipóteses, ainda não confirmadas, a Lua seria ainda mais recente do que o apontado pelo novo estudo.

Sobre marcelobarao
Grandes Paixões: Família Física Rock Corinthians

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: