Dada a largada para as Olimpíadas Internacional e Latino-Americana de Astronomia


Estudantes do país inteiro participarão do processo seletivo que escolherá as equipes que vão representar o Brasil nas Olimpíadas Internacional de Astronomia e Astrofísica (IOAA 2012) e na Latino-Americana de Astronomia e Astronáutica (OLAA 2012).  A prova aconteceu no último sábado, dia 28 de abril. A IOAA nesse ano será no Rio de Janeiro. Já a OLAA será na Colômbia.

Ao todo, serão 105 alunos de diversas regiões. As provas acontecerão nas seguintes cidades: Belo Horizonte (MG), Brasília (DF), Campina Grande (PB), Campinas (SP), Curitiba (PR), Fortaleza (CE), Maceió (AL), Manaus (AM), Maringá (PR), Pinhais (PR), Porto Alegre (RS), Rio de Janeiro (RJ), São Paulo (SP) e Vitória (ES).

Para participar das olimpíadas internacional e Latino-Americana, os candidatos devem obter excelentes pontuações na OBA. Destinada aos jovens dos ensinos fundamental e médio, a olimpíada é realizada numa única fase, dentro da própria escola dos participantes. A última edição reuniu 803.180 alunos de 9.153 escolas de todas as regiões do país, envolvendo 64.890 professores.

Segundo o Dr. prof. João Canalle, coordenador nacional da OBA, a competição motiva os estudantes a se interessarem pela astronomia: “Nossa área é muito carente de profissionais especializados e dispomos de pouquíssimos professores formados. As olimpíadas científicas surgem com o objetivo de atrair não só os jovens, mas também os futuros mestres em astrofísica”.

Organização

A IOAA é reconhecida pela União Astronômica Internacional (IAU, na sigla em inglês). A organização da competição exige que cada país se comprometa a sediar uma edição da olimpíada, arcando com todas as despesas relativas ao evento, que recebe apoio de diferentes setores da sociedade.

Fundada na cidade de Montevidéu, Uruguai, a OLAA acontece desde 2009 e é coordenada por astrônomos brasileiros, argentinos, uruguaios, entre outros países. E a OBA é organizada por uma comissão formada por membros da Sociedade Astronômica Brasileira (SAB) e da Agência Espacial Brasileira (AEB). O grupo responsável é constituído pelos astrônomos João Batista Garcia Canalle (UERJ), Thaís Mothé-Diniz (UFRJ), Helio Jacques Rocha-Pinto (UFRJ), Jaime Fernando Villas da Rocha (UNIRIO) e pelo engenheiro aeroespacial José Bezerra Pessoa Filho (IAE).

E com o objetivo de disseminar o conhecimento científico, a OBA realiza os Encontros Regionais de Ensino de Astronomia (EREAs). O programa – que existe desde 2009 – é realizado com parcerias locais e principalmente com recursos obtidos junto ao Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) e junto ao Instituto Nacional de Estudos Espaciais (INespaço). Quem desejar organizar um EREA em sua região, basta entrar em contato com a secretaria (oba.secretaria@gmail.com).

Mercado da Comunicação
Tiberius Drumond
Assessor de Imprensa
Contatos: (21) 2284-4949 / 9805-6001
E-mail: tiberius@mercadocom.com.br
www.mercadocom.com.br

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: